Olheiras: como tirar, cremes e tratamento

Um dos maiores maus para os rostos, sejam de homens ou mulheres, são as olheiras. Elas deixam a pessoa com um semblante cansado e, por muitas vezes, até tiram a sua beleza. São nada mais que marcas escuras que se formam ao redor dos olhos, onde a pele, nessa região, fica escurecida, principalmente quando é muito fina e transparente.

As causas das olheiras podem ser várias, como genética causada por hereditariedade, idade, dietas muito severas, muita exposição ao sol, cansaço físico, noites mal dormidas e stress. Mas por mais que muitos convivam sempre com esse problema, ele tem vários tipos de tratamento.

Você poderá tratar e tirar as suas olheiras e se ver livre delas de várias formas. É claro que tudo passará pelo crivo de um dermatologista, mas é bom já ter uma noção do que procurar antes de fazer uma consulta.

Tratamento de olheira com laser com luz pulsada

É um tratamento bastante eficiente e consiste em aplicá-lo nas olheiras com objetivo de clarear a pele e diminuir os vasos sanguíneos, estimulando o aumento do teor de colágeno do local. O único contra é o preço, geralmente bem elevado.

Tratamento de olheira com drenagem linfática

É feito com óleos quentes e diminui a retenção de líquidos nos locais das olheiras, exterminando-as ou amenizando-as bastante.

Tratamento de olheira com cremes

Os cremes são as opções mais procuradas para tratar olheiras, por serem de fácil acesso e preço razoável. Vitamina K-1, bioflavonóides, vitamina C e retinol são os elementos presentes nesses produtos que auxiliam no combate às olheiras. Empresas como O Boticário,  Avon, Natura e Nivea possuem vários cosméticos que prometem acabar com elas, então pesquise bastante, mas não deixe de consultar um dermatologista antes.

Agora que você já conhece diversos tratamentos para acabar com as olheiras, não tem mais desculpa para continuar com elas atrapalhando sua beleza. Mexa-se e tire essas sombras debaixo dos seus olhos.

Publicidade

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *