História e fotos do elenco de Gabriela, nova novela da Globo

História e fotos do elenco de Gabriela, nova novela da Globo
Gabriela, uma das principais obras de Jorge Amado (que este ano completaria 100 anos de idade, caso fosse vivo) ganhará sua segunda versão em forma de novela. Gabriela volta ao ar neste mês, repaginada e com um elenco repleto de estrelas da atual geração da TV brasileira.

Qual a história de Gabriela?

Na história de Gabriela, a personagem título, vivida por Juliana Paes, é uma bela morena que vive em uma cidade muito pobre que é assolada pela seca do nordeste brasileiro. Ela então resolve ir para Ilhéus, na Bahia, a cidade mais próspera de toda a região, para tentar uma vida melhor. Lá, encontrará diversos contratempos e vários amores, ao mesmo tempo em que conviverá com a luta política da região.
História e fotos do elenco de Gabriela, nova novela da Globo

Quais os personagens e o elenco de Gabriela?

Os personagens de Gabriela você confere abaixo, com um pequeno perfil de cada um deles. De quebra, você ainda conhece todo o eleco da novela:

 GABRIELA (Juliana Paes) – Nasceu no sertão nordestino. Gabriela é um espírito livre. Representa a mudança dos tempos, a evolução político-social do mundo. Ao chegar a Ilhéus é contratada por Nacib (Humberto Martins), dono do bar Vesúvio, com quem viverá um romance. É uma exímia cozinheira. Será a mulher mais desejada da cidade.

NACIB ACHCAR SAAD (Humberto Martins) - Veio da Síria aos quatro anos de idade. É proprietário do bar Vesúvio. Solteiro, é frequentador do cabaré Bataclan, onde tem um chamego com Zarolha (Leona Cavalli). É o chamado “boa praça”, amigo de todos os coronéis e também do opositor Mundinho Falcão (Mateus Solano). Contrata Gabriela (Juliana Paes) e se apaixona por ela. Decide se casar com a cozinheira, porém, Gabriela não se adapta a vida de mulher casada. Vai viver um dilema no amor.

CORONEL RAMIRO BASTOS (Antonio Fagundes) – Intendente de Ilhéus, maior força política da região. Fazendeiro de cacau da época do desbravamento, quando as terras eram conquistadas a tiros. É o líder conservador. Seu poder é contestado quando o jovem Mundinho Falcão (Mateus Solano) vem para a cidade.

MUNDINHO FALCÃO ou RAIMUNDO MENDES FALCÃO (Mateus Solano) -De família de políticos paulista, mudou-se para Ilhéus para criar seu próprio projeto de vida e também para esquecer um amor. É exportador de cacau. Jovem, solteiro, cheio de ideias novas, decidido e prático. Passou a enfrentar a oligarquia dos coronéis, liderada por Ramiro Bastos (Antonio Fagundes). Mas apaixona-se justamente por Jerusa (Luiza Valdetaro), a linda neta do coronel Ramiro Bastos.

TONICO BASTOS (Marcelo Serrado) – Filho do coronel Ramiro Bastos (Antonio Fagundes), dono do cartório da cidade, é casado com Olga Bastos (Fabiana Karla), e pai de quatro crianças. Sabe levar muito bem a mulher ciumenta, que acredita que são as outras que correm atrás de seu marido tão fiel. Mas é Tonico que vive no Bataclan. Sempre sorridente, sempre amigo, mas sem escrúpulos, é um simpático antagonista. Amigo e confidente de Nacib (Humberto Martins) é ele quem consegue se enfiar na cama de Gabriela (Juliana Paes). Tonico é “um canalha simpático, um irresistível mau caráter”.

História e fotos do elenco de Gabriela, nova novela da Globo

JERUSA BASTOS (Luiza Valdetaro) – Filha de Alfredo Bastos (Bertrand Duarte) e neta preferida de Ramiro (Antonio Fagundes). É bonita e delicada. Ramiro Bastos deseja que ela se case com Juvenal (Marco Pigossi), filho do coronel Amâncio (Genézio de Barros), seu compadre. Mas ela se apaixona por Mundinho Falcão (Mateus Solano), o maior inimigo político de Ramiro Bastos.

FAMÍLIA DE RAMIRO BASTOS

ALFREDO BASTOS (Bertrand Duarte) - Filho de Ramiro (Antonio Fagundes). O médico é deputado estadual praticamente por imposição do pai. Não tem o menor talento para a política. Pai de Jerusa (Luiza Valdetaro). Casado com Conceição (Vera Zimmermann), esta sim, uma mulher forte e altiva.

CONCEIÇÃO BASTOS (Vera Zimmermann) – Mulher de Alfredo (Bertrand Duarte), mãe de Jerusa (Luiza Valdetaro). Uma mulher ainda sofisticada, vinda de Salvador, que acha Ilhéus uma província. É altiva, despreza Gabriela (Juliana Paes). Respeita o sogro, Ramiro (Antonio Fagundes), a quem admira mais que o marido. Faz de tudo para impedir seu romance com Mundinho (Mateus Solano).

OLGA BASTOS (Fabiana Karla) – Mulher de Tonico (Marcelo Serrado). Filha de fazendeiros riquíssimos. É ciumentíssima, acha que são as mulheres que correm atrás do seu marido, e não o contrário. Vive às turras com a cunhada, Conceição (Vera Zimmermann), que acha “metida” demais. Tem quatro filhos, verdadeiros pestinhas.

RAMIRINHO (Filipe Gimenez), BENTO (Gustavo Mello), MARIA LUPICÍNIA (Anna Gabriela), LADISLAU (Kaic Chagas)  – Filhos de Tonico (Marcelo Serrado) e Olga (Fabiana Karla). Maria Lupicínia (Anna Gabriela) vive denunciando o pai.

PRAZERES (Telma Souza) – Empregada da família há muitos anos, confidente de Jerusa (Luiza Valdetaro).

 FAMÍLIA DO CORONEL AMÂNCIO

AMANCIO LEAL (Genézio de Barros) – Fazendeiro de cacau, viúvo, mora com a mãe Dorotéia (Laura Cardoso) e os dois filhos, Juvenal (Marco Pigossi) e Berto (Rodrigo Andrade), em Ilhéus. É o principal aliado de Ramiro Bastos (Antonio Fagundes) e também um dos principais opositores de Mundinho Falcão (Mateus Solano). Pretende casar seu filho Juvenal (Marco Pigossi) com Jerusa (Luiza Valdetaro). E apoia seu filho Berto (Rodrigo Andrade) quando resolve deixar Lindinalva (Giovanna Lancelotti).

DOROTÉIA (Laura Cardoso) – Mãe de coronel Amâncio (Genézio de Barros), se considera o pilar moral de Ilhéus. Tudo passa sob seu julgamento. Dominadora. Quer saber de tudo, quer “aconselhar” todo mundo. Acaba sendo o terror da cidade. Seu maior sonho é que seu outro neto, Juvenal (Marco Pigossi), case-se com Jerusa (Luiza Valdetaro).

BERTO (Rodrigo Andrade) – Filho do Coronel Amâncio (Genézio de Barros). Neto de Dorotéia (Laura Cardoso). Rico. Machão. Enquanto os pais de Lindinalva (Giovanna Lancelotti) são vivos, ele a respeita. É seu noivo e pretende casar. Quando eles morrem e Lindinalva fica em dificuldades, porém, é o primeiro a se aproveitar da situação.

JUVENAL (Marco Pigossi) – Chega à cidade vindo de Salvador, onde estudou. Tem ideias progressistas. Enfrenta o pai. Quer se casar com Jerusa (Luiza Valdetaro), mas apaixona-se por Ina (Raquel Villar), uma jovem e sensual que trabalha no Bataclan.

 FAMILIA CORONEL MELK TAVARES

CORONEL MELK TAVARES (Chico Diaz) – Rico fazendeiro de cacau, mora em Ilhéus com a esposa Marialva (Bel Kutner) e a filha Malvina (Vanessa Giácomo). Conservador, apoia Ramiro Bastos (Antônio Fagundes). É um pai rígido, duro, de personalidade forte. Proíbe a filha Malvina até de continuar os estudos na Universidade. Malvina enfrenta o pai em todos os momentos. Melk contrata o Negro Fagundes (Jhe Oliveira) e Clemente (Daniel Ribeiro) para trabalhar em sua fazenda.

MARIALVA TAVARES (Bel Kutner) – Mulher de Melk (Chico Diaz), é assustada e submissa. O que o marido diz para ela é lei. Passa o tempo todo tentando impedir os enfrentamentos entre Malvina (Vanessa Giácomo), a filha, e o pai, Melk.

MALVINA TAVARES (Vanessa Giácomo) – Filha única de Melk (Chico Diaz). Jovem, bela, inteligente, intrépida e de espírito independente. Rebelde, não aceita viver de acordo com as convenções da sociedade de Ilhéus. Enfrenta o pai. Apaixona-se por Rômulo (Henri Castelli), engenheiro que vem de Salvador. Sabe que Rômulo é casado, mas mesmo assim namora com ele. Ela simboliza a libertação feminina que dá seus primeiros passos na década de 20.

BATACLAN

MARIA MACHADÃO (Ivete Sangalo) – É a dona do Bataclan. Extrovertida, alegre, mas autoritária com as “meninas” quando necessário. Foi mulher-dama no passado. É amiga de todos os coronéis, “mãe” de todas as “meninas”. Conhece os chamegos, amores, paixões, segredos dos coronéis e seus filhos. Pode ser extremamente doce e maternal. Mas também autoritária, até cruel. Estabelece com as garotas do Bataclan uma relação de amizade e exploração. Todas lhe pagam também 50% do que recebem de cada cliente, no ato. Sabe aconselhar as garotas a se darem bem com um chamego, e arrancar dinheiro do homem cativado. É respeitadíssima pelas garotas e pelos coronéis e clientes.

ZAROLHA ou RISOLETA (Leona Cavalli) – É uma sergipana, chamego de Nacib (Humberto Martins) no Bataclan. Amicíssima de Maria Machadão (Ivete Sangalo). Seu sonho é casar com um coronel e se tornar senhora.

NATASCHA (Nathália Rodrigues) – A loira fala com sotaque e conta que é da família imperial russa. Diz que é uma princesa. E por isso é cheia de exigências, cobra caro, tudo porque os coronéis sentem-se “honrados” em compartilhar o leito da “princesa”.

TEODORA (Emanuelle Araújo) – Morava em uma fazenda de cacau e fugiu de casa depois que o padrasto tentou seduzi-la. Virou mulher-dama a convite de Maria Machadão (Ivete Sangalo).

MARA (Suyane Moreira) - Uma amazonense bonita e desbocada.

INA (Raquel Villar) – A mais jovem de todas as mulheres-damas, bem delicada. E sempre assustada. Gosta de brincar de boneca embora, é claro, não tenha idade pra isso.

MISS PIRANGI (Gero Camilo) – o “invertido” da cidade, nas palavras de Jorge Amado. Faz tudo que Maria Machadão (Ivete Sangalo) quer. Limpa o bordel, serve as mesas, faz pequenos trabalhos de costura. É generoso. Mas é marginalizado pela sociedade ilheense.

IRMÃS DOS REIS

(As solteironas da cidade)

QUINQUINA (Angela Rebello) – É a maior fofoqueira da cidade. Tudo vê, tudo comenta. Observa cada saia, cada decote. Nunca se casou. Ela e a irmã, Florizinha (Bete Mendes), herdaram casas de aluguel. E fazem doces para vender para fora. Sua maior atividade, porém, é criar, junto com a irmã, um presépio, recortando personagens de revistas. O presépio é o grande acontecimento da cidade na época natalina. Rígida, se recusará a receber a afilhada Lindinalva (Giovanna Lancelotti) em casa quando o noivo Berto (Rodrigo Andrade) largá-la.

FLORZINHA (Bete Mendes) – Irmã de Quinquina (Angela Rebello). Também é fofoqueira, porém, mais doce que a irmã. Mais emocional. E sempre acaba fazendo o que a irmã manda. Pede revistas a todos que encontra, para montar o presépio.

A HISTÓRIA DE SINHAZINHA

SINHAZINHA MENDONÇA (Maitê Proença) - Mulher do coronel Jesuíno (José Wilker), sofre nas mãos do marido. Vive na igreja, é amiga de todas as senhoras da sociedade. É devota de São Sebastião. Um dia vai fazer um tratamento dentário com o jovem e sedutor doutor Osmundo (Erik Marmo). Apaixona-se por ele.

OSMUNDO PIMENTEL (Erik Marmo) – Jovem dentista, vindo de Salvador, filho de um rico comerciante, se instalou em Ilhéus com um consultório bem montado na avenida da praia. Apaixona-se por Sinhazinha (Maitê Proença).

CORONEL JESUÍNO MENDONÇA (José Wilker) – É um homem bruto, inclusive no trato com a esposa. Rígido. Descobre a traição da esposa com o dentista e decide “fazer justiça”. Ele será o primeiro a ser questionado pela sociedade em transformação.

NÉIA (Yaçanã Martins) – Empregada da casa que descobre a traição de Sinhazinha (Maitê Poença) com Osmundo (Erik Marmo).

A MOÇA DA JANELA

GLÓRIA (Suzana Pires) – Teúda e manteúda pelo Coronel Coriolano Ribeiro (Ary Fontoura), Glória é uma bela mulher. Vive na casa que foi da família do coronel, próxima às famílias da sociedade, para escândalo das mulheres locais e divertimento do pessoal do Vesúvio, que a vê, todas as tardes, na janela. Tem uma vida confortável com o dinheiro do coronel e gosta dela. Mas seduz o professor Josué (Anderson di Rizzi), poeta e pobre. E começa a lhe comprar presentes. Muitas vezes o coronel Coriolano chega de surpresa, mas ela sempre esconde Josué.

JOSUÉ (Anderson di Rizzi) – É subdiretor e professor do ginásio. Vive no bar Vesúvio. Sem dinheiro, vive pendurando a conta com Nacib (Humberto Martins). É apaixonado por Malvina (Vanessa Giácomo), a quem dedica versos de amor. Para olhar Malvina, fica sempre perto da janela de Glória (Suzana Pires), e acaba tendo um caso com ela.

CORONEL CORIOLANO (Ary Fontoura) – Sempre mantém uma moça bonita para ficar com ele quando vem da fazenda. Antes de Glória (Suzana Pires), teve muitas outras. Desconfiado e ciumento, não aceita traição de jeito nenhum. Vive tentando descobrir se Glória o trai. Mas ela sempre disfarça (ou esconde o professor Josué no próprio quarto).

A HISTÓRIA DE LINDINALVA

LINDINALVA (Giovanna Lancelotti) – Jovem bonita, da incipiente classe média da cidade. Seu pai é dono de um armarinho. É noiva de Berto (Rodrigo Andrade), filho do coronel Amâncio (Genézio de Barros). O casamento está para ser marcado. Mas seus pais morrem num acidente. Lindinalva descobre que o armarinho está endividado. E o aluguel não foi pago há meses. Sem dinheiro, aceita a ajuda do noivo. Passa a depender dele. E Berto exige dormir com ela. Lindinalva aceita. Logo Berto é visto saindo da casa de manhã. Ela passa a ser hostilizada por todas as mulheres que eram amigas de sua mãe. É proibida de ver as amigas. Lindinalva é obrigada a bater na porta do Bataclan.

DONA RITA (Izabella Bicalho) – Mãe de Lindinalva (Giovanna Lancelotti). Dona de casa, simples, feliz com o noivado da filha. Não sabe a real situação financeira da família.

ALCEU (Carlos Betão) – Pai de Lindinalva (Giovanna Lancelotti), dono de um armarinho. O pequeno comerciante está endividado. Apesar das preocupações, está certo de que vai se safar. Só precisa de um tempo para isso. Está feliz com o noivado da filha, principalmente por ser com o filho de um coronel. Mas junto com a mulher, morre em um acidente.

ZULMIRA (Rejane Maya) – A empregada que criou Lindinalva (Giovanna Lancelotti).

OUTROS CORONÉIS

MANOEL DAS ONÇAS (Mauro Mendonça) – Velho fazendeiro do cacau. Vive no bar de Nacib (Humberto Martins) e é doido por Gabriela (Juliana Paes). Daria casa montada e até uma roça de cacau para Gabriela se tornar sua amante. Casado, deixa sua família na roça. E vem a Ilhéus para negócios, onde se diverte.

ALTINO BRANDÃO (Nelson Xavier) – Sergipano, um dos pioneiros na cultura do cacau, e também um dos maiores fazendeiros. Mora em sua fazenda em Rio do Braço. Mas é um homem de ideias abertas, ao contrário dos outros coronéis. Tenta unir Ramiro Bastos (Antonio Fagundes) a Mundinho Falcão (Mateus Solano). É o primeiro a se passar para o lado de Mundinho Falcão.

RIBEIRINHO (Harildo Deda) - Um grande frequentador do Vesúvio e do Bataclan. Alinha-se com Ramiro Bastos (Antonio Fagundes), mas seu grande interesse são as mulheres. Será chantageado por Príncipe Sandra (Emílio Orciollo Netto) e Anabela (Bruna Linzmeyer).

FREQUENTADORES DO VESÚVIO

JOÃO FULGÊNCIO (Pascoal da Conceição) - É o dono da Papelaria Modelo, centro da vida intelectual de Ilhéus. Casado, tem dois filhos. Ri dos costumes locais, é um homem de mente aberta. E com grande perspicácia. É ele que vende livros como “O Crime do Padre Amaro” à Malvina (Vanessa Giácomo).

DOUTOR MAURÍCIO (Claudio Mendes) – Advogado conservador, que obedece a todos os pedidos de Ramiro Bastos (Antonio Fagundes). Também se interessa por Gabriela (Juliana Paes), e lhe oferece casa montada.

DOUGLAS (Jackson Costa) – Dono do jornal da oposição, amigo próximo de Mundinho Falcão (Mateus Solano). Homem de ideias progressistas, radical.

NHÔ GALO (Edmilson Barros) – Funcionário público, boêmio inveterado, é um tipo divertido e ao mesmo tempo, sábio. Anticlerical. Tem aventuras com as mulheres do Bataclan. É irônico, divertido.

DOUTOR PELÓPIDAS ÁVILA (Ilya São Paulo) – É conhecido apenas pelo apelido de Doutor. É um tipo romântico. Médico, é quem trata das moças do Bataclan.

DOUTOR EZEQUIEL (José Rubens Chachá) – O mais moralista de todos. É solteiro e vive na igreja.

AS GAROTAS

 IRACEMA (Amanda Richter) – É a mais ousada das moças de Ilhéus. Dança apertadinha com o par. Namora aos beijos no portão. Amiga de Jerusa (Luiz Valdetaro) e Malvina (Vanessa Giácomo). Interessa-se por Mundinho Falcão (Mateus Solano). Mas gosta mesmo de Juvenal (Marco Pigossi), filho do Coronel Amâncio (Genézio de Barros) e, embora saiba que o moço está prometido a Jerusa, fará tudo para ficar com ele.

ZULEIKA (Fernanda Pontes) - Também amiga de Jerusa (Luiza Valdetaro), Malvina (Vanessa Giácomo) e Iracema (Amanda Richter), é a mais inocente de todas. Romântica, à espera de um príncipe encantado.

OS VIGARISTAS

 PRÍNCIPE SANDRA (Emílio Orciollo Netto) – mágico de quinta categoria, que vem a Ilhéus trazido por Mundinho Falcão (Mateus Solano), acompanhado de sua “esposa” e assistente, Anabela (Bruna Linzmeyer). Praticam o golpe do suadouro, que é bem típico da época. O coronel “seduz” a mulher. Anabela o recebe no quarto. Quando estão juntos, o “marido” entra de revólver na mão. Ameaça lavar a honra a sangue. O coronel tenta dissuadi-lo de atirar, ela chora, enfim, é um drama, onde o coronel se apavora. Finalmente, “marido” e “mulher” aceitam um bom dinheiro para irem “refazer” a vida em outro local. Quando o coronel sai, caem na gargalhada e avaliam quanto ganharam no golpe.

ANABELA (Bruna Linzmeyer) – Dançarina e assistente de Príncipe Sandra (Emílio Orciollo Netto), seu marido mágico. Chegou a Ilhéus trazida por Mundinho Falcão (Mateus Solano), com quem tem uma intimidade muito grande. Suas principais danças são a dos Sete Veús e a dos Leques. Dança, é claro, no Bataclan. Mas Anabela é especialista no golpe do suadouro.

OUTROS PERSONAGENS

PADRE CECÍLIO (Frank Menezes) – Alegre e bonachão, está nas mãos das beatas da cidade. E vive sendo pressionado por Maria Machadão (Ivete Sangalo) e as moças do Bataclan. Fecha os olhos para as violências dos coronéis.

RÔMULO VIEIRA (Henri Castelli) – Engenheiro do ministério da Viação enviado do Rio de Janeiro para as obras do porto de Ilhéus. Ao contrário de todo o povo de Ilhéus, gosta de nadar no mar. Atlético, bonito. É casado com uma mulher internada num hospício mas, de acordo com a lei, não pode se separar legalmente. E mesmo que se separasse, não poderia casar, pois na época isso não era admitido para quem rompesse o casamento. Namora com Malvina (Vanessa Giácomo), a filha do Coronel Melk Tavares (Chico Diaz).

DONA ARMINDA (Neusa Maria Faro) – Vizinha de Gabriela (Juliana Paes), torna-se sua melhor amiga. Fofoqueira, divertida. Vive dando conselhos a Gabriela – os piores – para arrancar presentes de Nacib (Humberto Martins), aproveitar enquanto é jovem. É mãe de Chico Moleza (Renan Ribeiro), que trabalha no bar Vesúvio. É espírita e também a parteira da cidade. Vive reclamando, pois acha um escândalo os médicos fazerem partos de bebês.

CHICO MOLEZA (Renan Ribeiro) – Filho de dona Arminda (Neusa Maria Faro), trabalha no Vesúvio. Serve as mesas. Está naquela idade de se interessar por mulheres.

TUÍSCA (Max Lima) – Garoto que vende os doces das irmãs dos Reis. Torna-se o melhor amigo de Gabriela (Juliana Paes), com quem brinca de currupio e de soltar pipa. É um moleque brincalhão, divertido.

MIQUELINA (Clara Paixão) – Do povo, amiga de Gabriela (Juliana Paes). É quem ensaia para o reizado junto com Gabriela.

NEGRO FAGUNDES (Jhe Oliveira) – Atravessou a caatinga com Gabriela (Juliana Paes), de quem é amigo. Foi para a fazenda do Coronel Melk Tavares (Chico Diaz). E tornou-se seu jagunço. Também é amigo de Clemente (Daniel Ribeiro), o eterno apaixonado por Gabriela.

CLEMENTE (Daniel Ribeiro) - Apaixonado por Gabriela (Juliana Paes), com quem vive um romance na travessia da caatinga. Quer casar-se com ela, mas Gabriela não aceita. Vai trabalhar na fazenda do coronel Melk Tavares (Chico Diaz) e vive indo a Ilhéus para rondar Gabriela.

FABIANA (Heloisa Jorge) – Moça da fazenda do coronel Melk Tavares (Chico Diaz), apaixonada por Clemente (Daniel Ribeiro).

LOIRINHO (Widoto Áquila) – Capanga de Melk Tavares (Chico Diaz). Faz tudo que ele man

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>